Estrutura

eli-francis-100644.jpg

Um trabalho escrito deverá incluir os seguintes elementos:
• Capa;
• Página de rosto;
• Dedicatória (eventual)
• Agradecimentos (eventuais);
• Epígrafe (eventual);
• Índice de capítulos/subcapítulos;
• Lista de abreviaturas e siglas (eventual);
• Introdução;
• Corpo do trabalho;
• Conclusão;
• Anexos (eventuais);
• Bibliografia
• Outros índices

Capa

Imagem9
Exemplo de capa de um trabalho

Na capa do trabalho deverão constar os seguintes elementos:

  • Nome e logotipo da instituição;
  • Título do trabalho;
  • Imagem (não obrigatória):
  • Nome do aluno; turma:
  • Local, ano letivo.

O título do trabalho deve ser simples e sucinto, apelativo e pensado de forma cuidada, tendo em conta que deve refletir o conteúdo do trabalho. Ao terminar o trabalho, é importante uma revisão do título para se verificar a sua adequação. Por vezes, para que o título não fique demasiado genérico, pode-se acrescentar um subtítulo.

Página de rosto

Imagem10
Exemplo de página de rosto

A página de rosto acrescenta mais alguns dados à informação da capa e nela deverão constar os seguintes elementos:

  • Nome da escola;
  • Título do trabalho;
  • Nome do aluno, turma, n.º
  • Tipo de trabalho
  • Nome do professor
  • Data, local, ano letivo

NOTA: em trabalhos de pequena dimensão (até 10/15 páginas), a página de rosto pode substituir a capa do trabalho.

Dedicatória

Conforme o título indica, a folha da dedicatória permite prestar homenagem ou dedicar o trabalho a alguém.

A dedicatória deve ocupar uma página própria, sem ornamentos gráficos, com a maior sobriedade possível.

Agradecimentos

Nos agradecimentos o(s) autor(es) do trabalho regista(m) o reconhecimento às pessoas ou instituições que contribuíram, de forma relevante, para a sua elaboração. Deve utilizar-se a primeira pessoa do singular (exemplo: Agradeço ao professor…).

Tal como a dedicatória, os agradecimentos devem ocupar uma página própria, sem ornamentos gráficos, com a maior sobriedade possível.

Epígrafe

Uma epígrafe é um pensamento ou frase pertinente, com a identificação do autor; Habitualmente surge no início do trabalho, mas por vezes, também aparece no princípio dos capítulos ou secções). Deve ser transcrita em itálico, com o nome do autor em redondo [não itálico].

Recomenda-se que a epígrafe se situe em folha própria, à direita, na parte inferior da folha.

Lista de abreviaturas e siglas

Se durante o trabalho se recorrer muito a abreviaturas, é necessário elaborar uma lista das mesmas. A primeira vez que se utiliza no texto uma abreviatura, deve-se remeter o leitor para a lista de abreviaturas, que, eventualmente se elaborou.

Se não se justificar a elaboração de uma lista, e mesmo que utilizemos apenas uma sigla, esta deve ser sempre descodificada a primeira vez que é citada, colocando entre parênteses a sigla que a partir daí se usará. Exemplo: Organização das Nações Unidas (ONU).

Índice

O índice é a enumeração das partes do trabalho – capítulos e subcapítulos – apresentadas pela ordem em que aparecem no trabalho e com a indicação do número de página em que cada uma dessas partes começa.

Quando se incluem índices de quadros ou tabelas, figuras e/ou abreviaturas, estes devem iniciar uma nova página, após o índice geral e, por isso, já aparecem indicados no índice geral. O primeiro a surgir será o índice de quadros.

Para aprender a fazer um índice automático no Word, clique  aqui.

Introdução

Regra geral, a Introdução é redigida apenas após a realização do trabalho ou continuamente reescrita à medida que o trabalho avança.

Para saber mais sobre como redigir a Introdução, clique  aqui.

Corpo do trabalho

O desenvolvimento ou corpo do trabalho é a sua parte central. Deve ser redigido em texto e não por tópicos e pode ser ilustrado por imagens ou gráficos/esquemas. Pode dividir-se em várias partes (capítulos ou subcapítulos). Este texto é escrito tendo por base as informações recolhidas.

Para saber mais sobre a redação do corpo do trabalho, clique aqui.

Conclusão

A conclusão deve ser nítida, clara e relativamente breve; é uma síntese do conteúdo do trabalho, principalmente das conclusões a que chegou.

Para saber mais sobre a redação da conclusão, clique aqui.

Anexos

Os anexos são documentos que completam o texto, mas que se colocados no corpo do trabalho perturbariam a sua apresentação lógica e ordenada; nem todos os trabalhos precisam de anexos.
Os anexos devem ser identificados pelas letras do alfabeto (Anexo A; Anexo B).

Bibliografia

O modelo de referências bibliográficas seguido neste guia é o modelo APA, da American Psychological Association, e corresponde ao modelo Autor-data, ou seja, apelido do autor e ano de publicação, sendo um estilo utilizado com muita frequência no ensino superior, nomeadamente na área da Educação.

Clique aqui para ver as  regras de elaboração da bibliografia.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Photo by Eli Francis on Unsplash

Anúncios
%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close