Mapas de conceitos

himesh-kumar-behera-216019.jpg

Os mapas de conceitos são uma técnica importante para dar uma estrutura lógica ao trabalho e definir a sua organização. São também um importante método de estudo, pois permitem ao aluno a ordenação e a sequenciação hierarquizada dos conteúdos para consolidação da aprendizagem.

Os mapas de conceitos são estruturas esquemáticas que representam conjuntos de ideias e conceitos dispostos numa espécie de rede que indica relações entre palavras e conceitos. Habitualmente são constituídos por nós, linhas e etiquetas (palavras de ligação) nas linhas.  Os nós representam conceitos, as linhas representam relações entre
conceitos, as setas indicam a direção de leitura e as etiquetas nas linhas descrevem a natureza da relação. Combinados, estes três componentes descrevem proposições ou afirmações com sentido (ver exemplo ao fundo desta página).

Os mapas são hierárquicos, ou seja, os conceitos mais gerais (ou de inclusão) devem colocar-se na parte superior e os mais específicos (ou de menor poder de inclusão) na parte inferior.
Embora possam ser realizados à mão, numa simples folha de papel, hoje a internet oferece inúmeras ferramentas online para a criação de mapas de conceitos. Eis algumas:
Exemplo de mapa de conceitos:
Imagem1

Exemplo do mapa retirado de: BioGeoLearning


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Photo by Himesh Kumar Behera on Unsplash

Anúncios
%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close